Não pode haver conciliacionismo de classes

A questão não é apenas combater os grupos neocomunistas, mas também todas as elites internacionais que controlam os mercados e a mídia mundial. Essas duas elites, que são basicamente a mesma, tem como objetivo questões fundamentais para a implementação de uma nova sociedade onde tudo é “perfeito”, para atingir esses objetivos são defendidas certas propostas prejudiciais ao povo. Estas medidas são: o aborto, as cotas, ações afirmativas, privatizações, extinção das fronteiras, ridicularização da família e dos valores tradicionais… Medidas patrocinadas e difundidas de forma a modificar o senso comum após algum tempo de doutrinação escolar-midiática das massas.

O povo brasileiro definitivamente não sabe protestar, sem perceberem ajudam a propagar toda essa gradativa luta de classe, racial, gênero e deixam-se ser induzidos a aceitar o esfacelamento da nação com privatições e negociatas… Esquecem o fato de serem brasileiros, esquecem onde moram e principalmente esquecem, ou não podem perceberem a real face das forças o monstruosas que controlam os mercados, os bancos e os estados nacionais do ocidente e encerram lutando entre si até sobrar o mais forte, no caso o mais idiota (útil). Enfim, quando o povo brasileiro deixar esse senso de desunião de lado, pois não traz benefícios para o desenvolvimento de nossa nação e o bem estar da sociedade e se unir com um único propósito, será o dia em que acontecerá a verdadeira mudança.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s